Site Autárquico de Miranda do Corvo

Pesquisar

Novidades

    • Lição de Tango
  • Lição de Tango

    Giovanna e Matilde são as duas protagonistas de Lição de Tango. Aparentemente não têm nada em comum, a não ser o facto de viverem no mesmo bairro de Milão e se cruzarem, por vezes, na rua. Giovanna é uma mulher fascinante, antiquária, casada e com uma filha adolescente. Matilde é mulher idosa, pobre, que vive sozinha numas águas-furtadas. Uma é infeliz e vive em permanente ansiedade, a outra é distante e orgulhosa, no entanto, um dia o destino vai aproximá-las e uma amizade improvável irá uni-las. Matilde ajudará a jovem a encontrar a serenidade e o amor, enquanto Giovana acompanhará Matilde ao longo da sua caminhada final.
    Sveva Casati Modignani apresenta-nos um romance de emoções intensas, sobre a amizade e o amor, com duas personagens femininas inesquecíveis.

    (fonte: wook)

    • Rapariga Encontra Rapaz
  • Rapariga Encontra Rapaz

    Anthea e Imogen Gunn são duas irmãs que vivem juntas na pequena cidade de Inverness, na Escócia. A primeira é uma idealista, um espírito livre que detesta o emprego e o seu ambiente corporativo, ao contrário da sua irmã, uma pessoa pragmática, focada na carreira e no sucesso profissional.
    Entre elas, subitamente, surge Robin, figura contestatária e apaixonada defensora do meio ambiente, avessa a todos os convencionalismos sociais, e que irá revolucionar a vida de ambas.
    Em Rapariga Encontra Rapaz, Ali Smith reescreve Ovídio e o mito de Ífis numa extraordinária história sobre enamoramento e consciência social, enganos e revelações, para, com a sua reconhecida capacidade de descobrir a poesia no quotidiano, nos contar algo sobre nós mesmos e sobre o mundo que construímos.

     

    (fonte: wook)

    • Kudos
  • Kudos

    Uma mulher num avião escuta o desconhecido sentado a seu lado que lhe revela a história da sua vida: o seu emprego, o casamento e a angustiante noite que acabara de passar a enterrar o cão da família.
    Esta mulher é Faye, que está a caminho da Europa para promover o seu livro, acabado de publicar. Assim que aterra, as conversas que tem com as pessoas que conhece — sobre arte, família, política, amor, tristeza e alegria, justiça e injustiça — suscitam as perguntas mais abrangentes que o ser humano pode fazer.
    Estas conversas, sendo a última com o seu filho, levam Faye a uma conclusão bela mas dramática.
    Kudos completa de uma forma exuberante a trilogia de Rachel Cusk, iniciada com A Contraluz e Trânsito.

    (fonte: wook)

    • Homens de Pó
  • Homens de Pó

    Portugal, Verão Quente de 1975. A fervilhante Revolução dos Cravos deu subitamente lugar a um imenso caos social e político; o País, em plena convulsão, está à beira da guerra civil. O poder disputa-se nos quartéis, nas ruas, nos campos, nas fábricas…
    O velho império de Quinhentos agoniza, com a independência das colónias e o êxodo de centenas de milhares de pessoas que regressam à velha metrópole. Entre estas, vêm também africanos num exílio forçado, imposto pela guerra e pela instabilidade, sobretudo de Angola. Esta é a história de um punhado desses homens em busca da sua identidade e de um lugar, num Portugal fragmentado que desconhecem.
    Operários de estradas labutam de sol a sol; estão fora e dentro do mundo, vivendo sob o manto de uma poeira que os torna fantasmas e sombras num teatro de mudança, cujo palco é um país que também parece andar à procura de si próprio. Às vezes choram, acreditam, lutam, apaixonam-se, perguntam que será feito dos que ficaram.
    Discreta e irónica, a presente narrativa interroga o leitor sobre os limites da utopia e da realidade, e a importância da palavra e do sonho na construção das nossas vidas.

    (fonte: wook)

    • No passado e no futuro estamos todos mortos
  • No passado e no futuro estamos todos mortos

    Pensar na morte é a melhor maneira de dar valor à vida. O tempo que perdemos a fazer coisas que não são prazeres nem nos ensinam nada é um terrível desperdício. O melhor, para dar valor à vida, é fingir e imaginar que se morre todos os dias. É fácil. Estarmos cá, vivos e conscientes, é uma estranha exceção, que vai a favor de todos os que morreram e nunca mais voltaram.

    (fonte: wook)

    • Stieg Larsson - Os Arquivos Secretos
  • Stieg Larsson - Os Arquivos Secretos

    O autor da saga Millennium juntou as pistas.
    Agora um jornalista seguiu-as. Quando o autor de Os Homens Que Odeiam as Mulheres morreu, há anos que investigava secretamente um mistério que mais parecia ter saído dos seus próprios romances: o homicídio de Olof Palme, primeiro-ministro sueco – um dos mais enigmáticos assassínios políticos de todos os tempos.
    Dez anos depois da sua morte, em 2014, o jornalista Jan Stocklassa descobriu os arquivos esquecidos de Larsson: 20 caixas que guardavam o sigiloso projeto do autor best-seller mundial.
    Neste assombroso livro de leitura absolutamente compulsiva, Stocklassa reúne as peças do puzzle do crime e segue o trilho de intriga, espionagem e conspiração iniciado por Larsson, numa história tão emocionante como as da saga Millennium.
    Ao mesmo tempo, Stieg Larsson – Os Arquivos Secretos revela o impressionante paralelismo entre a investigação que o escritor levava a cabo e aquilo que escrevia e as personagens que criava nos seus livros, que venderiam mais de 80 milhões de exemplares. E de repente torna-se evidente: Stieg Larsson é ele próprio o Mikael Blomkvist da vida real.
    E a somar a tudo isto: as novas pistas reveladas nestas páginas levaram a polícia sueca a reabrir o misterioso caso do homicídio de Olof Palme.

    (fonte: wook)

AGENDA

Multimédia